Carregando
Alterar sua localização

Defina a loja mais próxima

destaques do atacadão

É TEMPO DE ARRAIAL, SÔ! COMO LUCRAR COM A DATA?


01/06/2017

 

Junho vem se aproximando e com ele aquela que, juntamente com o carnaval, integra o topo do calendário dos principais eventos do país. As festividades juninas iniciam ainda em maio com a organização das festas que homenageiam Santo Antônio, São João e São Pedro ao longo do mês de junho, podendo estender-se durante as primeiras semanas do mês de julho. O período, movimentado por muitas confraternizações típicas, é uma boa oportunidade de negócios para o comércio. 


O maior aumento nas vendas da época está no segmento de descartáveis e alimentos típicos como: cocadas, amendoim, canjica, pinhão, pipoca, fubá, vinho tinto seco e suave, pinga, gengibre, frutas (maçã e abacaxi, fundamentais, pois estão nas receitas de vinho quente) entre outros. Por isso, os comerciantes devem se preparar para o período e sua demanda conferindo o estoque e garantido que o mesmo esteja devidamente abastecido. Além disso, caso seu estabelecimento tenha um setor de vestuário, vale investir em estampas xadrez e chapéus de palha.

 

A divulgação é também ponto importante: uma decoração típica, por exemplo, chama a atenção do consumidor para os produtos diferenciados que ele pode encontrar. A grande vantagem dos produtos que compõe os quitutes juninos é que, apesar do aquecimento nas vendas em função da sazonalidade, muitos itens são consumidos ao longo do ano inteiro mesmo que em menor escala.  Por isso, promoções relacionadas à época tendem a surtir efeito positivo na divulgação do seu negócio. 

 

Outra forma de lucrar com os festejos juninos está em investir em itens típicos em cafeterias, bares e lanchonetes, ou até mesmo montar uma barraca de São João. Apesar de temporário, as barracas temáticas podem ser uma oportunidade de fazer uma renda extra ou até mesmo de divulgar um novo ponto. Para isso, escolha alguns itens, invista na qualidade dos alimentos e foque na decoração e divulgação: em época de redes sociais não vale mais ficar no anonimato.

 

Ficou interessado na história e oportunidades da época de Arraial? Então confira mais em nossa matéria especial sobre o tema: Revista Brasil Atacadão - Arraial da Alegria

 

www.facebook.com/Atacadaosa.Oficial 

www.twitter.com/atacadao_sa

 

Curta e compartilhe essa notícia!